Dias de Baixa na Vida Empreendedora

dias-desanimados-vida-empreendedora-alexandra-oliveira

otimismo-empreendedorismo-alexandra-oliver

Queridos leitores, bom dia! Hoje o assunto não é técnico, mas trata de um problema que todos temos como seres humanos: momentos ruins e descrentes. Pois é, falo aqui do típico dia em que acordamos achando que o negócio não vai alavancar e pensando as seguintes frases:

“Onde eu estava com a cabeça”. “Dá muito trabalho”, “Vou ficar sem dinheiro”, “Estou perdendo tempo, será que é isso mesmo que quero fazer da minha vida?” “Tenho contas para pagar”, etc.

O mais curioso em relação a esses dias é que tudo o que você pensou e iniciou correndo na hora daquela ideia mágica de negócio não faz mais sentido algum.

Resumindo: seu dia começa em uma completa porcaria.

Se você costuma sofrer desse mal em certos dias trago boas novas: você não é o único! E abaixo seguem as dicas de ouro para fazer esse sentimento pessimista e desmotivado passar em meia hora e te colocar novamente na batalha cheio de esperanças:

  • Se você está em um escritório, pegue uma caneca de café ou de sua bebida matinal preferida. Se está em casa, tire o pijama, troque por qualquer outra roupa, e prepare um bom café (ou sua bebida matinal preferida).
  • Pegue um caderno e tente escrever qual é a maior preocupação que está tomando sua cabeça no momento, tente identificá-la no meio do bolo. Escreva, leia e pense se isso tem a ver com a situação do país, com a falta de apoio de pessoas importantes, com a fatura do cartão que chegou ontem ou se é somente culpa do seu humor nesse dia.
  • Guarde o papel. Leia ao final do dia novamente e veja se foi uma preocupação passageira ou algo que precisa ser trabalhado prática ou psicologicamente.
  • Motive-se acessando esse link e esse link. Não são todos recentes, mas são maravilhosos e vão te ajudar a acreditar novamente.

Pode também assistir essa palestra da @melrobbins no TEDx San Francisco. Essa mulher é uma ótima coaching com super poderes motivacionais (em inglês).

Para fechar, lembre-se sempre: a maioria de nós não foi criada para o empreendedorismo, para ter a própria forma de sustento, ou para criar uma solução para a comunidade por vontade própria. A vida toda, o que ouvimos foi: estude, se forme, tenha um bom emprego e se aposente.

Isso quer dizer que não podemos contar com todos na hora de dar o passo maior na busca pela realização do próprio negócio, e alguns dias nem com nós mesmos, pois já pensamos que estamos fazendo algo “errado e incerto”, por não conter a segurança que fomos criados para cultivar.

Espero que eu tenha te ajudado a passar pelo momento de desmotivação empreendedora. Agora conte-nos da sua experiência! Como você segura os dias em que bate a falta de esperança em seu próprio negócio?

 @alexandraoliver

Alexandra Oliveira

Marketeira Digital especializada em Mídia. Professora da Pós-Gradução em Gestão da Comunicação em Mídias Digitais do Senac. De Curitiba, mas morando na ilha de Floripa porque a vida é melhor na praia! Acredito que produtos e serviços precisam trazer algo de valor para a comunidade e é por isso que hoje foco em ajudar pequenos empresários.

palestra-senac-midia-paga-alexandra-oliveira
gary-vaynerchuk-marketing-digital-alexandra-oliveira

Deixe uma resposta